Coisas simples, de importância e interesse muito, muito relativos mas boas para "descomprimir".

Coisas de interesse muito relativo, que vou escrevendo,



quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Lágrimas tontas

Lágrimas tontas

A lágrima que teimosamente
Insiste em cair dos meus olhos
(Talvez seja do vento que faz)
Não me dá sossego ou paz,
Nem rosas nem abrolhos.

Porquê, Senhor, me fizeste um chorão
E por tudo e por nada
Atiro-me ao chão
Com a cara molhada?

Não sei, nem quero saber
Choro e… pronto!

Depois, sim, depois logo se vê
Como acaba a patetice:

Se acaba como começou,
Uma completa tolice,
Ou se, descubro outra maneira
De me castigar como sou
E me fazes a mercê
De não fazer asneira.


11.02.2017